Arquivo do autor:TIMÃO DIÁRIO

Sobre TIMÃO DIÁRIO

Timão Diário é uma empresa voltada às atividades do mundo Corinthians e também dos esportes em geral do clube. Somos um portal de informação e notícias, entretenimento e serviços, voltado para o público apaixonado pelo SCCP. A partir de 2012, nossa atividade abrigará conteúdos mais diversos, voltados a nossa Republica Popular do Corinthians. O Timão Diário pretende ser um espaço para difundir boas idéias e ser democrático para os apaixonados possam enviar seus recados e discutirmos sobre os rumos do TIMÃO. Também não deixaremos de criticar quando necessário nossos dirigentes e organizações da Fiel quando suas posturas venham atrapalhar o desempenho do Time nos campeonatos. Contamos com a ajuda de todos neste projeto que permita dar mais informação às pessoas sobre o futebol do Timão. EQUIPE TIMÃO DIÁRIO. Visão, Missão e Valores . Visão Ser reconhecida como a principal empresa Brasileira, líder e inovadora, no comércio eletrônico de artigos de Futebol. Firme na crença e valores do esporte, fornecendo artigos que contribuam para dignificar e promover a felicidade dos apaixonados pelo Timão, aproximando culturas e valores, fundamentado em justiça e desenvolvimento. . Missão Liderança na prestação de serviços de alta qualidade, constante renovação e aprendizagem permanente, superando a expectativa dos leitores e promovendo a satisfação de nossos parceiros de negócios e colaboradores, com geração de resultados. . Valores Paixão pelo Corinthians, integridade e transparência nas relações, compromisso com a perenidade do negócio, inovação constante, respeito à diversidade, comunicação clara e precisa, com fundamentos em uma gestão de excelência empresarial.

FOTOS: Jadson brilha e Timão faz mais uma vítima na Arena Corinthians

  • Jadson brilha e Timão faz mais uma vítima na Arena Corinthians (Foto: Ale Cabral/ LANCE!Press)
  • Jadson brilha e Timão faz mais uma vítima na Arena Corinthians (Foto: Ale Cabral/ LANCE!Press)
  • Jadson brilha e Timão faz mais uma vítima na Arena Corinthians (Foto: Ale Cabral/ LANCE!Press)
  • Jadson brilha e Timão faz mais uma vítima na Arena Corinthians (Foto: Ale Cabral/ LANCE!Press)
  • Jadson brilha e Timão faz mais uma vítima na Arena Corinthians (Foto: Ale Cabral/ LANCE!Press)
  • Jadson brilha e Timão faz mais uma vítima na Arena Corinthians (Foto: Ale Cabral/ LANCE!Press)
  • Jadson brilha e Timão faz mais uma vítima na Arena Corinthians (Foto: Ale Cabral/ LANCE!Press)
  • Jadson brilha e Timão faz mais uma vítima na Arena Corinthians (Foto: Ale Cabral/ LANCE!Press)
  • Jadson brilha e Timão faz mais uma vítima na Arena Corinthians (Foto: Ale Cabral/ LANCE!Press)
  • Jadson brilha e Timão faz mais uma vítima na Arena Corinthians (Foto: Ale Cabral/ LANCE!Press)
  • Jadson brilha e Timão faz mais uma vítima na Arena Corinthians (Foto: Ale Cabral/ LANCE!Press)
  • Jadson brilha e Timão faz mais uma vítima na Arena Corinthians (Foto: Ale Cabral/ LANCE!Press)
  • Jadson brilha e Timão faz mais uma vítima na Arena Corinthians (Foto: Ale Cabral/ LANCE!Press)
  • Jadson brilha e Timão faz mais uma vítima na Arena Corinthians (Foto: Ale Cabral/ LANCE!Press)
Jadson brilha e Timão faz mais uma vítima na Arena Corinthians (Fotos: Ale Cabral/ LANCE!Press)

Leia mais no LANCENET! http://www.lancenet.com.br/corinthians/Guerrero-incomodo-renovacao-discorda-Sacanagem_0_1312668821.html#ixzz3TBB8CrX0
© 1997-2015 Todos os direitos reservados a Areté Editorial S.A Diário LANCE!


Tite revela apoio de líderes do Corinthians a Luciano

Helder Júnior São Paulo (SP)

Insatisfeito porque tem jogado pouco sob o comando do técnico Tite, o atacante Luciano foi consolado por algumas referências do elenco do Corinthians. Neste domingo, ele encontrou a sua redenção com um gol e uma assistência – até fugindo de suas características individualistas – na vitória por 3 a 0 sobre o Mogi Mirim, em Itaquera.

“Dei poucas oportunidades para o Luciano até o momento. O Gil e o Ralf, na condição de líderes, falaram para ele ter força porque a chance apareceria. Em Lins, ele não jogou de novo e ouviu do Guerrero que deveria manter a calma. Os nossos departamentos médico e físico também têm trabalhado dessa forma”, comentou espontaneamente Tite, que substituiu Malcom por Luciano no segundo tempo do jogo com o Mogi.

O incômodo de Luciano até este fim de semana era tamanho que começaram a surgir boatos sobre uma possível saída sua do Corinthians. A situação foi semelhante à do meio-campista Petros, outro que era bastante utilizado por Mano Menezes no ano passado e perdeu espaço com Tite.

“Estou na briga. Sempre que precisar, vou entrar. Desconheço essas propostas. Estou focado no Corinthians, desejando o melhor para a equipe. Quero ser campeão neste ano”, bradou Luciano, em um discurso que encheria Tite de orgulho.

Satisfeito com o que viu diante do Mogi, o técnico até profetizou: “O Luciano continuará trabalhando para ter mais oportunidades e ser decisivo novamente”.

Fernando Dantas/Gazeta Press

Luciano marcou e deu uma assistência na vitória diante do Mogi Mirim, por 3 a 0, neste domingo
Fonte GE.Net

Guerrero admite incômodo com renovação e discorda de punição

Peruano e Corinthians terão nova reunião nesta semana para falar sobre permanência do jogador, que revelou estar intranquilo com situação. Sobrou para a Conmebol também…

Felipe Bolguese - 01/03/2015 – São Paulo (SP)

Corinthians x Mogi Mirim - Guerrero (Foto: Ale Cabral/ LANCE!Press)
Guerrero marcou diante do Mogi neste domingo (Foto: Ale Cabral/ LANCE!Press)

A novela pela renovação de contrato de Guerrero com o Corinthians, que se arrasta desde o fim do ano passado, ganhará mais um capítulo nesta semana. As duas partes confirmam que haverá uma reunião para tratar do assunto. Será a primeira vez que o presidente Roberto de Andrade, eleito no último dia 7 de fevereiro, conversará com os empresários da OTB Sports, empresa que agencia a carreira do peruano.

Após a vitória por 3 a 0 sobre o Mogi Mirim, neste domingo, na Arena Corinthians, pelo Paulistão, o camisa 9 admitiu que a demora da situação o incomoda e atrapalha sua concentração. O vínculo com o Timão acaba em 15 de julho.

– É um pouco incômodo, porque não sei o que vai ser do meu futuro. Dá uma intranquilidade. Às vezes, não estou 100% concentrado, eu tento estar ligado no jogo, porque são jogos pegados, difíceis… Eu tento estar tranquilo e me concentrar bem. Hoje (domingo) foi um bom jogo, pelo menos o segundo tempo. Tivemos muitas chances de gol. Mais importante é que o Corinthians ganhou e somou mais três pontos – afirmou o centroavante.

Na zona mista, Roberto de Andrade afirmou que está otimista. Em ocasiões passadas, ele afirmou que será uma negociação “do zero”, já que as outras conversas ocorrerão na gestão de Gobbi. No ano passado, Guerrero pediu cerca de R$ 18 milhões de luvas para assinar o novo acordo, valores que Andrade já adiantou que estão fora da realidade alvinegra. O clube não fala em valores, mas acredita que pode convencer o jogador, que reforçou que quer ficar.

– Estou otimista também. Meu representante falou que essa semana vai se reunir com o Corinthians. Estou concentrado no time. Espero que tudo dê certo. Eu quero ficar no Corinthians, como já falei – disse Guerrero.

O corintiano já poderia assinar um pré-contrato com outro clube desde 15 de janeiro – seis meses antes do término de seu contrato. Ele já havia falado que clubes do exterior e do Brasil fizeram propostas. Neste domingo, revelou que o Hamburgo (ALE) tentou tirá-lo do Corinthians em janeiro, antes do fechamento da primeira janela de transferências da Europa.

– Muitos times me procuraram antes de fechar a janela da Europa, inclusive Hamburgo queria já fechar comigo. Eu falei para meus empresários que era para esperar um pouco, eu queria conversar para ficar no Corinthians. Temos tempo, tem times que queriam fechar, que vieram procurar, mas estou esperando as conversas com o Corinthians – ressaltou.

Punição da Conmebol foi ‘sacanagem’

No dia 11 de fevereiro, o Corinthians recebeu um documento da Conmebol confirmando a punição de Guerrero por três partidas, por conta da expulsão dele no duelo contra o Once Caldas, no dia 4 de fevereiro, na Arena Corinthians, pela primeira fase da Libertadores. O camisa 9 não pôde atuar na partida de volta, em Manizales, nem diante do São Paulo, pela primeira rodada da fase de grupos, e também está fora do duelo contra o San Lorenzo (ARG), nesta quarta-feira, em Buenos Aires. A partir de então, ele poderá voltar a atuar pela Libertadores, mas não escondeu a revolta.

– Fiquei chateado pela expulsão, e pior ainda me darem três jogos. Achei injusto, era uma jogada incerta para os dois, pior ainda me dar três jogos. Acho sacanagem, mas agora é esquecer. Tenho de treinar, me preparar bem e nos próximos jogos já poderei jogar – disse.

Leia mais no LANCENET! http://www.lancenet.com.br/corinthians/Guerrero-incomodo-renovacao-discorda-Sacanagem_0_1312668821.html#ixzz3TB7Br4WK
© 1997-2015 Todos os direitos reservados a Areté Editorial S.A Diário LANCE!


Tite sabe bem o que faz! E dá-lhe aquecimento para a Libertadores

por Lucas Faraldo

Tite

(Foto: Célio Messias)

Tite sabe o que faz. Por conta de uma formação tática escolhida pelo treinador, o Corinthians fez um mau primeiro tempo contra o Mogi Mirim. Nos 45 minutos jogados “pra valer”, o conjunto brilhou, o “tiki taka” voltou e a vitória veio como de costume: linha de quatro meias atrás de um centroavante (que sai da área às vezes). É com essa formação de 4-1-4-1, inclusive, que o Timão deve visitar o San Lorenzo na próxima quarta-feira.

Durante os primeiros 45 minutos, Tite testou Guerrero e Love juntos. Valeu como teste. Mas deixou claro que é muito difícil esta formação voltar a ser usada pelo treinador. Ao menos tão cedo…

Na base do 4-4-2, Jadson ficou sumido demais. O camisa 10 foi deslocado como ala direito e teve poucas (apesar de importantes) participações no primeiro tempo. Petros ficou dividido entre defender e atacar, e também pouco apareceu. Ao menos o trio Cristian, Malcom e Guerrero foi bem bem pela esquerda. Vagner Love, porém, “sobrou” no ataque. Em tempo: trata-se de um time que não está acostumado a jogar com dois centroavantes.

Teste feito, Tite voltou do intervalo com nova formação: saiu Love, aquele que estava sobrando no ataque, para a entrada de Danilo. Com o camisa 20 em campo, Jadson trocou com Malcom e caiu pela esquerda, ao lado de Danilo. Não tardou para o gol sair, após chutaço de… Jadson! Depois, saiu Malcom para a entrada de Luciano. Este fez rodízio com Jadson entre as laterais direita e esquerda. Em pouco tempo, mais dois tentos: passe de Guerrero, gol de Luciano; passe de Luciano, gol de Guerrero. Mais uma vitória no Paulistão. Vitória com troca de passes. Vitória de conjunto. Vitória de treinador.

Agora o foco é a Libertadores. Quarta-feira tem San Lorenzo. Sem Guerrero (suspenso). Mas com Tite. E se tem Tite…

Fonte Lancenet


Jadson dispensa idolatria precoce no Corinthians: ‘Quero levantar taças’

Após trocar proposta milionária do Jiangsu Sainty, da China, por permanência no Timão, meia foi um dos destaques na vitória por 3 a 0 sobre o Mogi Mirim

LANCEPRESS! - 01/03/2015 – São Paulo (SP)

Corinthians x Mogi Mirim - Jadson (Foto: Ale Cabral/ LANCE!Press)
Jadson mira títulos com a camisa do Timão (Foto: Ale Cabral/ LANCE!Press)

Jadson “voltou” ao Corinthians. Após recusar proposta milionária do Jiangsu Sainty, da China, o meia do Timão foi protagonista na goleada por 3 a 0 sobre o Mogi Mirim, na noite deste domingo. Aplaudido por torcedores antes, durante e depois do jogo, o camisa 10 recusou a alcunha de “ídolo”. Para Jadson, é necessário mais do que belos gols para conquistar tal idolatria…

– Acho que carinho pode até ter, mas idolatria… O jogador tem que fazer muita coisa pelo clube para ter (idolatria). E fazer muita coisa é ganhar títulos, para então colocar o nome na história do clube. Estou correndo em busca disso aí. Nossa equipe tem condição, com comissão técnica, diretoria, jogadores e torcida de qualidade. Quero levantar taças aqui e é isso que vou fazer – afirmou o jogador na saída do gramado.

Desde fevereiro de 2014 no Corinthians, Jadson vive um de seus melhores momentos com a camisa do Timão. Maior garçom da equipe na temporada, com cinco assistências, o meia já soma dois gols no ano (neste domingo, contra o Mogi Mirim; e no último dia 18, contra o São Paulo).

Fico feliz por ter feito um gol e ajudado a equipe. Não é muito minha característica, sou mais de articulação na frente, mas fico feliz pelos gols. É continuar arriscando de fora da área para ver se a bola continua entrando – comentou o camisa 10.

– Decidi ficar, estou feliz aqui. As coisas estão refletindo dento de campo. É continuar trabalhando como vinha trabalhando, com os pés no chão – acrescentou, lembrando a recusa da proposta chinesa.

Diante do Mogi Mirim, Jadson fez sua primeira partida após a novela envolvendo Corinthians e Jiangsu Sainty. Na última quarta-feira, contra o Linense, ele não havia sido relacionado, pois, até então, sua saída rumo à China era tida como certa.

Leia mais no LANCENET! http://www.lancenet.com.br/corinthians/Jadson-dispensa-idolatria-Corinthians-levantar_0_1312668813.html#ixzz3TB6N4BPs
© 1997-2015 Todos os direitos reservados a Areté Editorial S.A Diário LANCE!


Tite elogia vitória, mas espera melhora de Love no ataque do Corinthians

Técnico admite que experiência com Vagner e Guerrero não deu certo no primeiro tempo e aprova reação com Danilo, que será titular na Libertadores

Por Diego Ribeiro São Paulo

O primeiro tempo esteve longe de ser bom, mas o Corinthians reagiu na segunda metade da partida contra o Mogi Mirim, neste domingo, na sua arena, e venceu o rival do interior por 3 a 0. O técnico Tite gostou da reação do time, formado em sua maioria por reservas, e avisou que vai precisar de todo o elenco na maratona que terá em março, entre jogos de Campeonato Paulista e Taça Libertadores.

– Os jogos vão adquirindo caráter decisivo, e a equipe precisa de todos. Às vezes não conseguimos dar oportunidade a todos. O Luciano mesmo teve poucas, e hoje entrou muito bem. Gil e Ralf, dois líderes do elenco, conversaram com ele durante a semana. Deram força. Precisamos da equipe toda nesse momento – afirmou Tite.

Vagner Love teve mais uma chance como titular neste domingo, mas ainda não está 100%. Ao lado de Guerrero, até se esforçou, buscou tabelas, mas o jogo não fluiu. Tite admitiu que a experiência não foi tão boa.

– Eles podem jogar juntos. Deu certo no primeiro tempo? Não. Mas pode dar certo. Os dois são móveis, têm boa finalização. O entrosamento pode proporcionar isso. O Vagner ainda está abaixo, no condicionamento e nos treinos. Falei para ele retardar um pouco as jogadas para se ajustar. Está retomando o ritmo – disse o técnico.

Quarta-feira, contra o San Lorenzo, em Buenos Aires, os titulares voltam a campo. A única possível dúvida era em relação ao substituto de Paolo Guerrero, que cumpre seu último jogo de suspensão pela Conmebol. O meia Danilo foi confirmado na vaga do atacante. Love será opção no banco de reservas.

Tite, técnico do Corinthians (Foto: Marcos Ribolli)
Tite durante a vitória por 3 a 0 sobre o Mogi Mirim, neste domingo, na arena (Foto: Marcos Ribolli)

Confira abaixo todas as respostas do técnico:

Entrada de Danilo

– Um dia de cada vez. Entre o primeiro tempo de todos os jogos, foi o que mais oscilou. Compreensível, porque estávamos com dois atacantes e a coordenação de movimentos que antecedem as jogadas não acontecia. O Mogi joga muito com a posse de bola e tivemos muitas dificuldades. Criamos oportunidades, mas faltava volume. No intervalo, eu trouxe para uma posição onde já sabemos atuar melhor. O nível técnico dos jogadores no primeiro tempo também foi muito ruim.

Time para quarta-feira

– Uendel não participou do jogo justamente para ter condição física na quarta-feira. Não quisemos correr o risco. Mendoza também deu uma boa resposta, acima do que eu imaginava. A cobertura da linha de quatro jogadores faltou um pouco, mas ele é um atacante. Mesmo assim, me deixou tranquilo e confiante, mesmo com o Mogi tendo jogadores de velocidade por esse lado. Na frente vamos aguardar, mas a tendência é manter Danilo. Gosto de ser coerente, ele está produzindo, vai jogar.

Permanência de Jadson

– A China fica com o que é da China, não com o que é nosso. É a vontade que eu tenho. Gostaria que o futebol daqui preservasse mais os jogadores de qualidade. No primeiro tempo não foi bem, melhorou no segundo.

Dá para relaxar no Paulista?

– Vou dizer o que eles sentem. Não me permito fazer uma palestra diferente em um jogo que não é tão decisivo. Eu me cobro. Eu sou muito chato, muito exigente, mas primeiro comigo. E isso passa uma mensagem aos atletas. Para construir uma carreira vitoriosa, tem de se pagar o preço. Tem de sempre melhorar, crescer em algum aspecto.

Versatilidade de Danilo

– Danilo pode jogar nas duas posições. Joga em alto nível sempre. Ele como pivô não precisa ter um raio de ação tão grande. Não desgasta tanto. Ele pode jogar em qualquer uma das duas posições.

San Lorenzo sem torcida

– Vi a final da Libertadores lá, é uma equipe madura, que está junta há bastante tempo. Joga com dois pivôs ou no 4-2-3-1. Dois laterais de muito boa qualidade. O grau de dificuldade é alto. São Paulo, San Lorenzo e Corinthians: uma vai sobrar. Talvez a que sobrar poderia se classificar em outro grupo.

Fonte Globoesporte.com


Corinthians tem melhor início de Paulistão desde 2000

Os 16 pontos conquistados nas seis primeiras partidas da competição em 2015 superam os 14 conquistados em 2009 e 2012

© Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians
O Corinthians é líder do grupo 2 do Paulistão Itaipava 2015 – Série A1
O Corinthians é líder do grupo 2 do Paulistão Itaipava 2015 – Série A1
O Corinthians vem em bom momento no início do ano e está invicto há 11 partidas. No Paulistão Itaipava 2015 – Série A1, foram seis partidas e 16 pontos somados em cinco vitórias e um empate, números que fazem com que o Timão tenha o melhor início de Campeonato Paulista desde 2000.
De 2001 para cá, a maior pontuação do Corinthians após a sexta rodada do estadual ocorreu em 2009 e 2012, quando o Timão somou 14 pontos, em ambas as ocasiões com quatro vitórias e dois empates. A campanha de 2015 é a melhor desde 2000, quando o Alvinegro venceu os seis primeiros jogos que disputou.
Neste ano, os comandados por Tite superaram o Marília (3 x 0), Palmeiras (1 x 0), Botafogo-SP (2 x 1), Linense (2 x 0) e Mogi Mirim (3 x 0). Além desses jogos, o Corinthians empatou com o Ituano (1 x 1).
O Corinthians é líder do grupo 2 do Paulistão Itaipava 2015 – Série A1 e volta a campo nesta quarta-feira (04), diante do San Lorenzo (ARG) no estádio Nuevo Gasómetro, na segunda rodada da fase de grupos da Copa Bridgestone Libertadores.
*Em 2002, o Corinthians disputava o Torneio Rio-São Paulo e disputou apenas duas partidas pelo estadual, chamado de Supercampeonato Paulista. Foram uma vitória e uma derrota, em dois confrontos com o Ituano.

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 62 outros seguidores