Arquivo do autor:TIMÃO DIÁRIO

Sobre TIMÃO DIÁRIO

Timão Diário é uma empresa voltada às atividades do mundo Corinthians e também dos esportes em geral do clube. Somos um portal de informação e notícias, entretenimento e serviços, voltado para o público apaixonado pelo SCCP. A partir de 2012, nossa atividade abrigará conteúdos mais diversos, voltados a nossa Republica Popular do Corinthians. O Timão Diário pretende ser um espaço para difundir boas idéias e ser democrático para os apaixonados possam enviar seus recados e discutirmos sobre os rumos do TIMÃO. Também não deixaremos de criticar quando necessário nossos dirigentes e organizações da Fiel quando suas posturas venham atrapalhar o desempenho do Time nos campeonatos. Contamos com a ajuda de todos neste projeto que permita dar mais informação às pessoas sobre o futebol do Timão. EQUIPE TIMÃO DIÁRIO. Visão, Missão e Valores . Visão Ser reconhecida como a principal empresa Brasileira, líder e inovadora, no comércio eletrônico de artigos de Futebol. Firme na crença e valores do esporte, fornecendo artigos que contribuam para dignificar e promover a felicidade dos apaixonados pelo Timão, aproximando culturas e valores, fundamentado em justiça e desenvolvimento. . Missão Liderança na prestação de serviços de alta qualidade, constante renovação e aprendizagem permanente, superando a expectativa dos leitores e promovendo a satisfação de nossos parceiros de negócios e colaboradores, com geração de resultados. . Valores Paixão pelo Corinthians, integridade e transparência nas relações, compromisso com a perenidade do negócio, inovação constante, respeito à diversidade, comunicação clara e precisa, com fundamentos em uma gestão de excelência empresarial.

Dafylyn Polidorio

Dafylyn Polidorio


Melissa Martins

Melissa Martins


Apalavrado? Como acreditar apenas nisso?

por Rodrigo Vessoni

O Corinthians tinha tudo acertado nos bastidores para ter Leandro Banana. Mas o atacante não virá mais ao clube. Pior: o torcedor ainda verá o jogador ir para o maior rival.

Como perder um jogador que está “acertado” há meses? Como deixaram escapar um jogador que tinha tudo alinhado? Por que ninguém o trouxe para São Paulo e o fez realizar exames médicos e assinar contrato? O popular “apalavrado” no futebol é o mesmo que “tomara que depois ninguém ofereça algo melhor a ele”.

Pode ser que Leandro não vingue no Palmeiras. Pode ser que fosse mal até mesmo no Corinthians. É do jogo. A diretoria diz que seus empresários faltaram com a ética. Ok, isso acontece no futebol e é muito escroto. Mas não dá para acreditar nas outras pessoas. A diretoria deveria ter pensado na possibilidade de traição e agilizado lá atrás. Agora é tarde…

Fonte Lancenet


Irônico, Andrés vê Timão azarão na Libertadores e “alfineta” São Paulo

Ex-presidente do Corinthians ri da briga entre Aidar e Juvenal e ataca crise por contrato com a namorada do presidente tricolor: “Se fosse aqui, iríamos presos”

Por Carlos Augusto Ferrari São Paulo, SP

Andres sanchez (Foto: Carlos Augusto Ferrari)
Andrés Sanchez acredita que Timão é azarão na Libertadores (Foto: Carlos Augusto Ferrari)

Andrés Sanchez não perdeu a chance de provocar o rival São Paulo. Em evento para a doação de sangue, neste sábado pela manhã, na Arena Corinthians, o ex-presidente colocou o Timão como azarão caso avance para a fase de grupos da Taça Libertadores e ironizou o atual momento político vivido pelo Tricolor em virtude da guerra entre Carlos Miguel Aidar e Juvenal Juvêncio.

Sanchez acredita que o Corinthians conseguirá passar pela fase prévia do torneio sul-americana, contra uma equipe colombiana a ser definida. Ele era o mandatário alvinegro na derrota para o Tolima, em 2011. No entanto, ironicamente, vê o Timão correndo por fora se chegar ao Grupo 2, ao lado de São Paulo, San Lorenzo, da Argentina, e Danubio, do Uruguai.

- O raio não cai duas vezes no mesmo lugar. Contra o Tolima foi um jogo no começo da pré-temporada. O treinador estava há dois meses no clube. A culpa foi minha e dos jogadores. Já foi falado para os jogadores se cuidarem nas férias. Vamos cair num grupo forte. Somos a zebra no grupo, tem o “papa Libertadores”, que é o São Paulo, ganhou tudo, e o San Lorenzo, atual campeão. Vamos, humildemente, tentar a classificação – afirmou.

O dirigente sorriu bastante ao ser questionado sobre a briga entre Carlos Miguel Aidar, atual presidente do São Paulo, e Juvenal Juvêncio, seu histórico inimigo político. Juvenal ajudou Aidar a ser eleito em 2014, mas eles acabaram rompendo relações nos últimos meses.

- Quando eu falei isso há três anos ninguém acreditava. Calma que vem mais coisas. Eles se merecem – criticou.

Sobrou até para o caso da namorada de Aidar. O presidente do São Paulo assinou um contrato com ela garantindo uma porcentagem caso trouxesse acordos comerciais para o clube. O acerto chegou à oposição e desencadeou uma guerra ainda maior no Morumbi.

- Se fosse no Corinthians, iríamos presos. Mas lá (no São Paulo) tudo pode. Lá é normal – disse Sanchez.

Fonte Globoesporte.com


Arena Corinthians recebe primeiro doador da campanha Sangue Corinthiano neste sábado

Neste sábado, a Arena Corinthians recebeu a 14° edição da campanha Sangue Corinthiano. Desde 2008, o projeto já ajudou a salvar mais de 100 mil vidas.  Adriano de Mattos Corai foi o primeiro doador do dia.

“A importância do Sangue Corinthiano é conscientizar as pessoas que quanto mais doar sangue, os hospitais vão ter condições apropriadas para ajudar as pessoas e salvar vidas”, contou Adriano que participa da campanha desde 2008.

Além de São Paulo, a Sangue Corinthiano está espalhada pelo Brasil.  Clique aqui e confira.

Esta edição da Sangue Corinthiano tem o apoio da Agência Publicis Brasil, que desenvolveu o tema “Sangue Tipo C” e produziu todo material de divulgação.

Fonte Agencia Corinthians


Depois de pôr tijolo em estádio, Tite quer construir fortaleza em Itaquera

Treinador conta com os torcedores e se mostra otimista com a força do estádio em competições como a Copa Bridgestone Libertadores

O operário Tite quer contribuir na construção da fortaleza de Itaquera (Daniel Augusto Jr./ Agência Corinthians)
O operário Tite quer contribuir na construção da fortaleza de Itaquera (Daniel Augusto Jr./ Agência Corinthians)

Tite chegou a colocar simbolicamente um tijolo na construção do estádio do Corinthians, mas deixou o time antes de sua inauguração. De volta ao clube, o gaúcho espera fazer da arena de Itaquera uma fortaleza em competições como a Copa Libertadores.

Com Mano Menezes, a equipe não começou bem sua trajetória na nova casa, perdendo a estreia para o Figueirense e levando três jogos para triunfar. Houve melhora significativa desde então, no entanto, e a temporada 2014 foi fechada com 75,9% de aproveitamento no palco de abertura da Copa do Mundo.

“Isso é extraordinário para o Corinthians e para o Mano. A gente pega esse legado também”, afirmou Tite, atento às peculiaridades do moderno campo. “Alguns não me conheciam, mas joguei futebol também. Quando o gramado é mais baixinho, com mais velocidade, requer finesse”, sorriu.

Depois de colocar um tijolo na edificação da arena da zona leste de São Paulo, o gaúcho de Caxias só voltou ao local uma vez, a convite de Andrés Sanchez. Foi antes da inauguração oficial, mas ele conseguiu imaginar a Fiel fazendo o seu barulho e empurrando o time.

Mesmo com os decibéis mais baixos em comparação aos tempos de Pacaembu – o preço dos ingressos mudou o perfil do público –, Tite conta com os torcedores e se mostra otimista. Já marcado na história do Corinthians, o treinador espera comandar o primeiro título no lar da ZL.

Fonte Fox Sport


Sheik avisa Corinthians que “o Emerson voltou” e “o bicho vai pegar”

Jogador disse ter conversado com gente ligada ao clube e prometeu se apresentar em forma ao treinador Tite, no dia 5 de janeiro

Emerson espera reeditar dupla com Guerrero, mas precisa convencer Tite (Agência Corinthians)
Emerson espera reeditar dupla com Guerrero, mas precisa convencer Tite (Agência Corinthians)

Emerson procurou mostrar aos torcedores do Corinthians que está pronto para o retorno. De volta após um período de empréstimo, o atacante de 36 anos disse ter conversado com gente ligada ao clube sobre sua condição física e prometeu se apresentar bem ao técnico Tite no dia 5 de janeiro.

De acordo com o Sheik, a pessoa que telefonou não colocou dúvidas sobre sua motivação, mas perguntou sobre o preparo – o atleta foi dispensado pelo Botafogo no início de outubro. “Posso falar para todo torcedor brasileiro, especialmente para o corintiano: no ano que vem, o bicho vai pegar”, disse à rádio Bradesco Esportes FM.

Presente em todo o histórico ciclo de conquistas do Corinthians entre 2011 e 2013, Emerson caiu em descrédito com boa parte da torcida por ter publicado a foto de um beijo em um amigo, em agosto de 2013. O desempenho em campo foi ruim, e ele acabou emprestado em abril de 2014, sem nenhum gol após o selinho.

Não ajudou o mau relacionamento com o técnico Mano Menezes, que já faz parte do passado alvinegro. Está de volta Tite, com quem o Sheik teve todas as suas conquistas no Corinthians. Com contrato até o meio do ano, ele espera mostrar na pré-temporada que merece nova chance.

“Eu não queria ter saído, mas as coisas aconteceram, e eu respeito a vontade de Deus. Agora, estou muito focado para o ano que vem. Já trabalhei com a galera que está voltando e conheço o método. Isso é um combustível a mais. O torcedor do Corinthians pode ter certeza absoluta de que o Emerson voltou”, avisou.

Fonte Fox Sport


Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 57 outros seguidores